Engel & Völkers: volume de negócios registado em 2023 superior a mil milhões de euros

A Engel & Völkers voltou a registar um volume de negócios acima dos mil milhões de euros apesar do contexto do mercado verificado em 2023. Embora se tenha registado uma diminuição das receitas do grupo, de 1,2 mil milhões de euros em 2022 para 1,1 mil milhões de euros , foi um desempenho acima da média comparativamente com o mercado como um todo, consolidando a posição da marca nos principais mercados.

“Graças à nossa vasta experiência em consultoria pessoal e à utilização tecnologias digitais, estamos numa excelente posição para tirar partido das principais vantagens competitivas no mercado imobiliário.” Refere Jawed Barna, CEO do Grupo Engel & Völkers.

Com um cenário de aumento das taxas de juro, a intermediação imobiliária enfrenta o desafio de alinhar as expectativas de preços entre compradores e vendedores. Neste sentido, a Engel & Völkers destaca a importância do serviço personalizado, especialmente no fornecimento de soluções adaptadas às necessidades dos potenciais compradores.

Apesar das previsões de abrandamento do mercado imobiliário a médio prazo, a Engel & Völkers pretende manter o seu crescimento sustentável. Para isso, pretende focar-se em atrair especialistas do setor, expandir globalmente, fornecer serviços personalizados aos clientes mais exigentes e a investir não só na formação de alta qualidade para seus consultores como na inovação tecnológica, através de ferramentas como visitas virtuais 360º, vídeos com drones e digital home staging.

MAIS:  Cerca de 85 mil condutores foram beneficiados pela lei da anistia

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.