Comissão de Controlo Orçamental do Parlamento Europeu aprova João Leão como membro do Tribunal de Contas Europeu

COMISSÃO DE CONTROLO ORÇAMENTAL DO PARLAMENTO EUROPEU APROVA NOMEAÇÃO DO EX-MINISTRO DAS FINANÇAS JOÃO LEÃO PARA MEMBRO DO TRIBUNAL DE CONTAS EUROPEU

Na reunião da Comissão de Controlo Orçamental do Parlamento Europeu, realizada hoje, foi aprovada a nomeação de João Leão como membro português do Tribunal de Contas Europeu. Este posto estava vago há dois anos.

A presidente da comissão, Monika Hohlmeier, eurodeputada alemã do Partido Popular Europeu, expressou confiança no candidato após a votação, que contou com 14 votos a favor, cinco abstenções e dois votos contra, totalizando 21 votos.

A decisão final sobre a nomeação de João Leão será tomada na sessão plenária da assembleia europeia, que ocorrerá em meados de dezembro.

João Leão, ex-ministro das Finanças, foi o candidato selecionado pelo Governo português para ocupar o cargo de auditor externo da União Europeia.

Durante a audição, João Leão assegurou que trabalhará de forma independente e ao serviço da UE, caso seja aprovado.

Questionado pelo eurodeputado do PSD, Carlos Coelho, sobre se esta nomeação era uma “segunda escolha” após não ter sido bem-sucedido na candidatura à liderança do Mecanismo Europeu de Estabilidade, João Leão enfatizou o seu interesse tanto por essa posição quanto por esta atual, pois estão relacionadas com a sua trajetória e carreira como governante e académico na área das Finanças.

MAIS:  O sindicato apresenta uma denúncia criminal contra o Ministro da Administração Interna e o Primeiro-Ministro por "alegações difamatórias"