Associação 30 de julho apresenta medidas para o orçamento do estado e pede compensação à ADSE desde 2014

ASSOCIAÇÃO 30 DE JULHO REÚNE COM PS PARA FALAR SOBRE ORÇAMENTO DO ESTADO

A Associação 30 de Julho teve uma reunião com o Partido Socialista (PS) para discutir o Orçamento do Estado. Durante o encontro, foram apresentadas várias medidas, incluindo a criação de uma contribuição das entidades empregadoras para compensar o impacto financeiro da transferência da responsabilidade financeira pelos cuidados de saúde prestados aos trabalhadores das autarquias locais na despesa da ADSE.

ASSOCIAÇÃO PEDE COMPENSAÇÃO À ADSE DESDE 2014

A associação também pediu a consagração da compensação à ADSE dos montantes equivalentes aos descontos que seriam devidos mensalmente pelos beneficiários titulares isentos desde 2014. A associação defende que essa compensação deve ser feita integralmente até 2024.

IMPLICAÇÕES DA TRANSFERÊNCIA PARA A ADSE

A Associação 30 de Julho está consciente das implicações da transferência para a ADSE da responsabilidade pelos cuidados de saúde dos trabalhadores das autarquias locais. Essa transferência resultará em um aumento de aproximadamente 200 mil beneficiários no regime livre, o que pode afetar o tempo de resposta aos pedidos de reembolso.

MAIS:  O sindicato apresenta uma denúncia criminal contra o Ministro da Administração Interna e o Primeiro-Ministro por "alegações difamatórias"

ESFORÇOS PARA EVITAR ATRASOS NOS REEMBOLSOS

Com o objetivo de evitar o agravamento do tempo de resposta aos pedidos de reembolso, a associação pretende marcar reuniões com a Associação Nacional dos Municípios Portugueses e com a Associação Nacional de Freguesias. Essas reuniões visam encontrar mecanismos que garantam uma resposta eficiente aos beneficiários.

DEFESA DA ADSE

A Associação 30 de Julho aguarda a resposta do Conselho Diretivo da ADSE a um pedido de reunião para abordar todas as questões que preocupam os beneficiários. A associação continuará atenta e atuante na defesa da ADSE, da sua sustentabilidade e dos direitos e interesses legítimos dos beneficiários.